Pesquisa personalizada

sábado, 4 de abril de 2009

Questões de Vestibular sobre Existencialismo/Jean-Paul Sartre

Existencialismo/ Jean-Paul Sartre
1)(UFU 1/1999) Segundo Jean Paul Sartre, filósofo existencialista contemporâneo, liberdade é
I- escolha incondicional que o próprio homem faz de seu ser e de seu mundo.
II- aceitar o que a existência determina como caminho para a vida do homem.
III- sempre uma decisão livre, por mais que se julgue estar sob o poder de forças externas.
IV- estarmos condenados a ela, pois é a liberdade que define a humanidade dos humanos.
Assinale
A) se apenas I e IV estiverem corretas.
B) se apenas II e III estiverem corretas.
C) se apenas I, II e IV estiverem corretas.
D) se apenas III e IV estiverem corretas.
E) se apenas I, III e IV estiverem corretas.
2) (UFU -09/2002) Liberdade, para Jean-Paul Sartre (1905-1980), seria assim definida:
A) o estar sob o jugo do todo para agir em conformidade consigo mesmo, instaurando leis e normas necessárias para os indivíduos.
B) circunstâncias que nos determinam e nos impedem de fazer escolhas de outro modo.
C) conformação às situações que encontramos no mundo e que nos determinam.
D) escolha incondicional que o próprio homem faz de seu ser e de seu mundo. “Estamos condenados à liberdade”, segundo o autor.
3) (UFU- 2004)O nada, impensado para Parmênides, encontrou em Sartre valor ontológico, pois o nada é o ponto de partida da existência humana, uma vez que não há nenhuma anterioridade à existência, nem mesmo uma essência. Esta tese apareceu no livro O Ser e o Nada. Tal afirmação encontra-se também em outro livro, O existencialismo é um humanismo, no qual está escrito:
“Porém, se realmente a existência precede a essência, o homem é responsável pelo que
é. Desse modo, o primeiro passo do existencialismo é o de pôr todo homem na posse do que
ele é, de submetê-lo à responsabilidade total de sua existência.”
SARTRE, J.P. O existencialismo é um humanismo. Trad. de Rita Correia
Guedes. São Paulo: Nova Cultural, 1987, p. 6. Coleção .Os Pensadores..
A responsabilidade para Sartre diz respeito
A) ao indivíduo para consigo mesmo, já que o existencialismo é dominado pelo conceito de subjetividade que restringe o sujeito da ação à sua esfera interior, circunscrita pelas suas representações arbitrárias, que exclui o outro; toda escolha humana é a escolha por si próprio.
B) ao vínculo entre o indivíduo e a humanidade, já que para o existencialista, cada um é responsável por todos os homens, pois, criando o homem que cada um quer ser, estaremos sempre escolhendo o bem e nada pode ser bom para um, que não possa ser para todos.
C) à imagem de homem que pré-existe e é anterior ao sujeito da ação. É uma imagem tal qual se julga que todos devam ser, de modo que o existencialismo, em virtude da sua origem protestante com Kierkegaard, renova a moral asceta do cristianismo, que exige a anulação do eu.
D) ao partido político que tem a primazia na condução do processo de edificação da nova imagem de homem comprometido com a revolução e que faz de cada um aquilo que deverá ser, tal como ficou célebre no mote existencialista: o que importa é o resultado daquilo que nos fizeram.
4) (UFU- 2ª fase janeiro de 2000) "Eu não podia admitir que a gente recebesse o ser de fora, que ele se conservasse por inércia, nem que os movimentos da alma fossem os efeitos de movimentos anteriores (...). Diziam-me amiúde: o passado nos impele; mas eu estava convencido de que o futuro me puxava".
(Sartre - As palavras)
O que significa, segundo Sartre, dizer que "O importante não é o que fazem do homem, mas o que ele faz do que fizeram dele"?
5) (UFU- 2ª Fase Junho de 2003) “Gostaria de defender, aqui, o existencialismo de uma série de críticas que lhe foram feitas”, assim começa Sartre o seu opúsculo O existencialismo é um humanismo.
Quais foram as principais críticas dirigidas ao existencialismo sartreano?


Gabarito (corrigido e enviado por ÜBERMENSCH ™):   1 - E; 2- D; 3 - B.

9 comentários:

Rodrigo Oliveira disse...

professor

gostaria do gabarito das questões sobre sartre.

ÜBERMENSCH ™ disse...

Marcos Carvalho, você está equivocado quanto à resposta da questão 3: a letra é "B". Trata-se do conceito de responsabilidade, em Sartre, posto que sua teoria foi questionada pela Igreja como permissiva e irresponsável. Assim, Sartre revida as críticas feitas a ele, dizendo que não existe escolha inconsequente: somos responsáveis pelo todo que pode ser afetado pelas nossas escolhas.
Você erra também quando afirma que a resposta da 1a. questão é a "D". Não se pode pensar na escolha como submissa a fatores externos. Ela é independente de qualquer exterioridade. Assim, a correta é a "E".
Fica assim o gabarito:
1 - E; 2- D; 3 - B.

Marcos Carvalho Lopes disse...

Obrigado cara! Vou colocar as respostas então no corpo do texto para que ninguém mais seja induzido ao erro por minha ignorância!

ÜBERMENSCH ™ disse...

Você é uma referência na internet qdo o assunto é filosofia. Mando meus alunos acessarem seu blog e resolverem os exercícios. Você teve uma iniciativa inovadora. É um ícone com relação a esse serviço a nós oferecido com primor.

Marcos Carvalho Lopes disse...

Obrigado, mas esse tipo de erro é mesmo onde a gente sente o peso da liberdade, sartreanamente falando.Fiz o blog porque, como você, era professor no ensino médio e as questões acabavam sendo um grande mote para as aulas. Por enquanto nas universidades discutem em termos altamente abstratos se devem ensinar "história da filosofia" ou a "filosofar", na sala de aula temos problemas concretos. Achei que esse material podia servir a mais gente, que bom que serve!Se houver mais erros sugestões etc me avise, abraço!

Fillipa disse...

Olá!
Discordo da solução B para a terceira questão. A meu ver nenhum dos 4 itens está correto. O conceito de responsabilidade envolove, sim, o outro e sua ação. A questão da alteridade está na base do existencialismo. No entanto, Sartre jamais afirmaria algo no sentido de estarmos "sempre escolhendo o bem". Não é por considerar o outro que o existencialismo se torna um pensamento de cunho moral/normativista.

Fillipa disse...

será que não está faltando justamente a opção "E" com a resposta correta? :)
té mais! e... ah! obrigada por este blog!

Alberto Bezerra disse...


Penso que a resposta da primeira questão é a letra D, haja vista que a escolha não é incodicional, pois nascemos num mundo que não escolhemos; o que escolhemos é como nos posicionar em relação a ele.

Anônimo disse...

Queriia saber as respostas da 4, 5 e 6 por favoor!! *-*